Páginas

domingo, 16 de janeiro de 2011

Tédio





Quando o tédio cai em desgraça
Chega perto de mim
Minha alegria ameaça
Sentindo-se bem assim
A vida é dura, mas à toa não passa
Se vivermos com um propósito
Se vivermos com um fim
A vida toda é um recomeço
Se quisermos que seja assim
As vezes enlouqueço
Falo de coisas, falo de mim

Nem sempre são verdades

São apenas palavras enfim
Tudo é passageiro, momentâneo
As coisas boas e as ruins
Então, porque dou tanto valor
A aquelas que não são boas para mim?
Em meio às coisas ruins
Recheados de coisas belas
Nossos momentos estão
Então, porque que em estado precário
Visualizamos apenas o mal?
Se viver é necessário
Ser infeliz é opcional


Ayahuasca

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Maquina do tempo


video

Se eu pudesse voltar no tempo me assentaria calmamente e esperaria o tempo passar.
O melhor de toda minha vida é o meu agora.

Ayahuasca