Páginas

domingo, 6 de janeiro de 2008

Moça...



Meu sonho de consumo
Cruzou meu caminho, mudou meu rumo
É meu norte enquanto me tira do prumo
Mesmo sem ter o que dizer poesia eu arrumo
Pois em vida o amor fez em ti seu resumo
E é por isto então que digo TE AMO e assumo




Ayahuasca

4 comentários:

aida_ninah disse...

Lindo! Perfeito... como tudo que vc toca.

Ti-amu-tu!

Bjo.

fdp disse...

LINDO DEMAIS!!!
;)

Rê disse...

Ai que lindo...
Qta sensibilidade....
Peço permissão para copia-lo...
Beijos,

Anônimo disse...

Você sempre me surpreende com sua sensibilidade e simplicidade nos sentimentos... Lindo! M